Maio, mês de Nossa Senhora

O mês de maio é tradicionalmente dedicado a Nossa Senhora. Em seu último dia, 31, no calendário moderno comemoramos a festa da Visitação de Nossa Senhora, e no calendário antigo a festa de Nossa Senhora Rainha. Para os católicos de rito romano que utilizam qualquer dos calendários, é motivo de grande alegria prepararmos todo o mês para essas grandes celebrações à Mãe de Deus!

 Altar de nossa casa quando moramos no Itaqui, RS, com a imagem da Santíssima Virgem.

A Igreja recomenda que se recitem preces marianas indulgenciadas ou se usem medalhas de Nossa Senhora. No Enchiridion Indulgentiarum, há a lista delas, que passamos a transcrever. É uma forma de incentivar os fiéis a prestar um especial culto à Bem-aventurada e Sempre Virgem Maria:

a) o Regina Coeli, já que estamos no Tempo Pascal, e depois o Angelus, nos demais tempos litúrgicos;
b) a Ladainha de Nossa Senhora;
c) o Magnificat;
d) o Maria, ó Mãe da graça ;
e) o Lembrai-vos;
f) o uso de medalhas, escapulários ou outros objetos de piedade marianos, bentos por um sacerdote ou diácono;
g) o Ofício Breve (também chamado Pequeno Ofício ou Ofício Parvo) de Nossa Senhora;
h) o Rosário ou Terço (e, para os orientais, o hino Akathistos ou o ofício Paraclisis, conforme determinação do Patriarca);
i) a Salve, Rainha;
j) o Santa Maria, socorrei os pobres;
k) a oração tomada do Missal ou outra aprovada pela autoridade eclesiástica no dia de uma celebração litúrgica mariana (e em maio temos, além da festa do dia 31, a de Nossa Senhora de Fátima, dia 13, por exemplo);
l) o À vossa proteção;
m) as invocações ou jaculatórias marianas.




 Imagens de Nossa Senhora que vimos em nossa visita familiar à Fortaleza de Santa Teresa, no Uruguai. Esse forte foi português e depois tomado pelos espanhóis. Hoje é administrador pelo Ejército del Uruguay.


Outro modo da igreja doméstica bem honrar Nossa Senhora é oferecer flores à sua imagem, disposta festivamente em nossas casas, fazer-lhes visitas constantes, e fazer breves meditações sobre sua vida, seus dogmas, seus privilégios, sua poderosa intercessão diante do trono de seu Filho, Jesus Cristo, e até organizar uma coroação solene com a participação dos filhos. Os pequenos poderão confeccionar uma coroa de flores, por exemplo, o que, por si só, já é uma atividade interessante (de coordenação motora, de cortar, colar, de exercício manual) e depois colocá-la sobre a imagem da Mãe de Deus.

 Após nosso casamento, em outubro de 2008, consagramos a família que iniciava a Nossa Senhora de Guadalupe, na Catedral Metropolitana de São Francisco de Paula, em Pelotas, RS.

Aline diante do oratório mariano que temos em casa, em Santa Vitória do Palmar, RS, abençoando nossa família desde o primeiro cômodo da residência e a qual fazemos as visitas sabatinas.

Eu e alguns outros membros do Regnum Christi após um retiro nos Legionários de Cristo, em Porto Alegre, junto à imagem da Virgem que fica no jardim.

Rafael Vitola Brodbeck

Católico, casado e pai de quatro filhos. Delegado de Polícia em Piratini, Rio Grande do Sul, conferencista e escritor de vários livros jurídicos e teológicos. Gradou-se em Direito pela Universidade Católica de Pelotas em 2001, tendo concluído o curso superior de formação na Academia de Polícia Civil do RS em 2008. Diretor do Salvem a Liturgia. Membro do Movimento Regnum Christi, e articulista em vários veículos de imprensa no Brasil. Siga seu Instagram. Fale com ele por email.

Um comentário:

Ricardo Henrique de Oliveira disse...

Um casal de amigos da Obra vieram nos visitar em maio do ano passado e fizemos uma caminhada até a Igreja de Nossa Senhora do Carmo, em minha cidade, rezando o terço.

Rezamos um terço na ida, outro dentro da igreja e outro na volta.

[Domestica Ecclesia] © - Copyright 2013-2017

Todos os Direitos Reservados.
Citando-se a fonte, pode ser o conteúdo reproduzido.